Coluna da Maiara: Natal pode ser todo dia?

Com a proximidade das festas comemorativas as pessoas tiram da gaveta a sensibilidade guardada durante todo o ano. Bondade e generosidade emanam de todos os cantos.

O cara do trabalho que vive de cara fechada começa a dar “bom dia” para todo mundo, aquela amiga que sumiu por mais de 300 dias aparece, o adolescente ajuda uma senhora a carregar as compras, o vizinho de meses descobre o nome do que mora ao lado. 

Campanhas são realizadas: doação de alimentos, roupas, brinquedos. As comunidades carentes são visitadas e famílias e crianças têm seus pedidos atendidos. De repente as pessoas deixam de olhar para frente e passam a olhar para os lados, para os outros, espalhando a mensagem de amor ao próximo.

Por que será que durante os doze meses do ano a gente deixa isso se perder?

Eu sei que para muitos o Natal tem um sentido religioso e um significado especial e isto devia ser mais um estímulo para continuar a utilizar os seus princípios todos os dias do ano.

Mesmo que as pessoas possam ficar mais sensíveis nesta época, se elas não o fazem em outros momentos para mim soa mais como “hipocrisia natalina”. Por que esperar dezembro chegar para marcar uma confraternização com os amigos? Por que dizer à sua família o quanto você a ama somente em 25 de dezembro? Por que para elogiar alguém você precisa tirá-lo no amigo secreto?

Apesar de o Natal ter se tornado mais uma data comercial imperada pelo capitalismo, onde as pessoas só pensam em comprar e presentear com coisas materiais, ainda é possível notar que há sentimentos muito bonitos por trás de tudo isso.

Não deixe seu espírito natalino se perder durante o próximo ano. Independente de sua fé busque uma mensagem positiva no Natal e acredite nela em todos os outros dias! Viva o Natal todo dia, seja esperança, luz e amor Permita que a gentileza se torne um hábito diário, seja tão iluminado quanto as luzes que brilham pelas ruas nas noites de dezembro. Presenteie as pessoas, não com coisas materiais, mas com sua presença, seu abraço, seu sorriso e seu amor. Afinal, without love we perish!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s