Coluna da Maiara: No escuro

 

Essa semana, por conta das fortes chuvas houve uma queda de energia no meu bairro por mais de 15 horas. No início eu achei que tudo se restabeleceria rapidamente, mas com a demora comecei a ficar inquieta e irritada, afinal, não podia fazer nada ou pensava que não.

Aproveitei para ir dormir mais cedo, já que normalmente fico até altas horas vendo filmes e séries, o que prejudica significantemente o meu sono diário. Depois, já no outro dia, ainda sem energia, aproveitei para brincar mais tempo com meu cachorro, para tomar um café da manhã sem pressa e para colocar a leitura em dia.Também pude conversar mais com a minha família, sim, porque sabemos que morar na mesma casa não é a mesma coisa de ter uma boa comunicação.

Foi então que eu pensei e percebi o quanto usamos nossas horas valorizando certas coisas que não deveriam pesar tanto, nos tornamos escravos da rotina e de tudo que ela oferece, principalmente da tecnologia. Quando nos deparamos sem acesso a esses instrumentos num primeiro momento nos sentimentos perdidos, como se não houvesse nada além para fazer.

Só aos poucos consegui notar que existe vida sim e muito melhor aproveitada longe de tudo que nos consome diariamente, foi então que a energia voltou e eu decidi passar o resto do dia sem ela, aproveitando só o que interessa.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s