Simplificando a alimentação

Uma das coisas que mais tenho gostado na dieta vegana é o fato ter uma alimentação bastante simples. Quero aproveitar esse post para contar também um pouco da minha experiência nesses 3 meses em que me “veganizei”.

Depois de ter lido o livro “Por que amamos cachorros, comemos porcos e vestimos vacas” eu não consegui mais “voltar atrás”. Foi um livro que mexeu demais com as minhas emoções, embora ele não fale muito sobre o veganismo em si. Mas essa foi a gota d’água para que eu implementasse essa mudança que já havia cogitado há tempos. Minha maior dificuldade foi o queijo. Com chocolate é tranquilo porque tem bastante opção sem leite, mas eu comia queijo todos os dias… então foi sofrido! Mas umas 3 semanas depois eu já consegui me adaptar bem e inclusive nem sinto falta dele. Jamais imaginei que eu diria isso algum dia, pois sempre fui MUITO viciada em queijo. Provei alguns queijos vegetais (os da Superbom foram os melhores até agora) mas além de não encontrá-los por aqui eles são mais caros (e acho justíssimo), então, é coisa que consumo bem raramente.

E aí isso já me faz refletir sobre as mudanças… Toda mudança dói no começo. Sair da nossa zona de conforto é chato e incômodo, mas é só questão de tempo pra gente se adaptar. A vida é isso: altos e baixos, calmaria e tempestade… 

image

Uma das minhas “extravagâncias gastronômicas” no meu restaurante vegetariano preferido

 

Retomando o assunto: a alimentação vegana é simples porque nos remete à alimentação o mais natural possível. Eu me permito algumas “extravagâncias” como sempre ter chocolate (os da Olvebra da linha ChocoSoy são muito bons, principalmente o ChocoSoy Mais, que parece demais o bis) e comprar algumas coisas mais “caras”, mas basicamente eu como arroz, feijão, verdura, legume e fruta. Também fui em uma feira vegana em São Paulo no mês de março e provei muita coisa boa, fui pra Campos do Jordão e almocei e jantei num restaurante vegano fantástico… Em se tratando de comida não dá pra economizar: eu AMO comer, então, eu prefiro poupar meu dinheiro pra gastar com experiências gastronômicas, mas no dia a dia a coisa é simples. E eu tenho a sorte de gostar de tudo quanto é “mato” e adorar cozinhar, então, com meu tempo livre eu fico pesquisando um mundo de receita e coloco a mão na massa pra testar. Cozinhar tem sido uma espécie de terapia e meditação, pois me possibilita exercitar o estado de presença e concentração e isso está me ajudando muito psicologicamente.

Sei que não é todo mundo que tem a mesma disponibilidade que eu e nem quero ditar regra nenhuma, pois acredito que cada pessoa deve adaptar as coisas pra sua realidade. Quem trabalha pode levar uma marmita pro trabalho, organizar a alimentação no final de semana e deixar as coisas meio que organizadas para durante a semana… Sabe que depois que saí dessa rotina de trabalho eu não consigo me ver mais fazendo isso de novo. Eu. Ainda estou à procura do descobrir o meu propósito de vida e enquanto isso sigo fazendo uns freelas de fotografia aqui e ali e por enquanto vou levando assim.

Enfim, gostar de legumes, verduras e frutas é 90% do caminho. E é perceptível a mudança no nosso corpo. Eu perdi 3 kgs (não estava nos planos, mas como tenho pedalado bastante acabou acontecendo!), sinto-me mais disposta, mais leve, mais animada… E criei um instagram pra partilhar as minhas experiências gastronômicas: @virandovegana. Partilho as coisas que como, algumas receitas legais… Me acompanhem por lá também! Acredito que todas as coisas acontecem na hora certa na nossa vida… mas sempre podemos dar uma ajudinha e ir implementando pequenas mudanças na nossa rotina de alimentação. Nosso corpo e nossa saúde agradecem!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s