O que podemos fazer para ter a vida dos nossos sonhos?

bd

 O que posso fazer para ter a vida dos meus sonhos?  Essa era uma pergunta que sempre me assolava. Eu pensava e pensava e não via saída, não tinha ideia de onde começar, de como me organizar para viver o que eu tanto queria viver: uma vida com mais liberdade, com mais tempo para fazer o que eu gosto, pra ficar com as pessoas que amo, mais tempo pra mim, menos tempo vendido em forma de trabalho para conseguir dinheiro. E eis-me aqui hoje, vivendo exatamente isso.

Há exatamente um ano atrás, nessa época de inverno onde os dias são mais curtos, saindo de casa por volta de 08:00 e retornando 18:30, já noite, me peguei pensando no que eu poderia fazer para ter mais tempo pra mim. Sentia que a minha vida estava passando, que meu tempo estava esvaindo como água no vão dos meus dedos sem que eu pudesse fazer nada para impedir. Como acredito muito na força do pensamento e na energia que empregamos no desejo das coisas, eu pedi ao universo, com todo o meu coração, por uma resposta, por um sinal. Aquilo estava me esgotando: eu estava insatisfeita, desmotivada, não me identificava mais com a área que eu estava trabalhando, mas sabia que, querendo ou não, eu precisava do dinheiro, afinal, quem não precisa dele? Acabou que com a crise econômica a empresa em que trabalhei precisou reduzir a jornada de trabalho e eu acabei trabalhando apenas 06 horas por dia e ganhava o proporcional a isso. Já fiquei muito feliz pois tinha a manhã toda livre pra fazer as minhas coisas. Mas meu coração continuava inquieto, clamando por alguma coisa que eu não sabia o que era.

Em fevereiro a empresa precisou demitir funcionários e eu me prontifiquei a sair. Esse então meu último mês de trabalho formal. Ainda que fora do mercado eu faço inúmeras coisas: sou em quem cuida da organização da casa, cozinho, ajudo a cuidar da minha avó, que é idosa  ão pode ficar sozinha, pedalo, ajudo num abrigo de cães abandonados, passeio com minhas cachorras, leio, visito os amigos, estudo sobre assuntos que tenho interesse e por aí vai. Meu objetivo não era ficar se trabalhar pra ficar de pernas pro ar, mas pra me encontrar, para encontrar meu propósito de vida, ajudar as pessoas e o mundo. Tenho um pouco de dinheiro guardado pra outros projetos, tenho feito alguns freelas de fotografia e é isso o que vem me sustentando. E pra ser bem honesta pra vocês: o dinheiro que entra é bem pouco, mas tá rendendo de tal maneira que nunca falta. Eu não tenho gastos altos, mas pra cobrir o que preciso sempre acaba aparecendo uma grana de um jeito ou de outro.

Mas tá, beleza. E aí? O que alguém que vive uma realidade diferente da minha pode fazer pra viver a vida que tanto deseja? Estou levando em conta que “A vida que a gente tanto deseja” é uma vida com mais tempo pra fazer o que se gosta, em que possamos trabalhar com algo que nos realize e onde tenhamos tempo para estar com quem amamos. Acho que é basicamente isso. Vou falar pela minha experiência: por mais que eu, conscientemente, não tenha feito um planejamento com as ações que eu precisava realizar para promover essa mudança de vida, parece que no meu inconsciente a coisa estava bem estruturada. Vejamos como foi:

escolhas21

1- O primeiro passo é saber o que se quer. Eu sabia que não queria continuar vendendo o meu tempo para outras pessoas em troca de dinheiro. Eu queria viver a vida de uma forma mais intensa e com propósito. Queria menos coisas e mais experiências, queria me encontrar e encontrar um sentido pra minha vida.Pra isso comecei analisando: quais as coisas que eu mais amo fazer? Que tipo de coisa faz meu coração bater mais forte e me faz sentir viva? Esse é o começo!

o-que-é-essencial

2- Analisar o que é essencial na sua vida. E isso é absolutamente pessoal, ou seja: o que é importante pra mim, pode não ser importante pra você, e vice-versa. Por exemplo: eu fazia pilates (pagava R$150,00 por mês) e fazia também aulas de yoga. Parei com o pilates e acabei fazendo yoga apenas em casa, seguindo as instruções de livros e tendo como base as aulas que fiz. Também fazia massagem e a unha no salão de 15 em 15 dias. Parei com ambos. Comprava algumas porcarias de comida nem sempre porque eu tinha vontade, mas por costume. Cortei isso também. Ou seja, analisei o que era essencial pra mim e descartei o restante. Faça isso com a sua vida, coloque no papel os seus gastos, veja o que pode cortar.. Nem sempre o que achamos extremamente necessário de fato o é.

Urgent homework

3- Organizar melhor o tempo. Confesso que tenho um sério problema com organização e gerenciamento de tempo. Queria ser uma pessoa mais disciplinada nesse aspecto, mas não consigo. Porém, acredito que ter uma rotina ajuda muito a nos mantermos mais organizados e a otimizar nosso recurso não renovável mais importante: nosso tempo. Reservar um tempo para realizar as tarefas diárias e dedicar atenção plena a elas faz com que consigamos reduzir tempo ao executá-las. Eu pelo menos, me distraio com uma facilidade absurda, então, focar em uma coisa de cada vez ajuda bastante nesse sentido, faz com que a tarefa seja executada com mais precisão e menos tempo e ainda evita o retrabalho.

397424_378842052216986_1212903572_n

4- Silencie sua mente. Acho isso extremamente importante no processo de autoconhecimento e de encontrar o nosso propósito de vida. Meditar e silenciar a nossa mente nos permite entrar em conexão com o divino que habita em nós. Eu creio em Deus (não um Deus pessoa, mas um Deus energia que em tudo está) e acredito que quando reduzimos o nosso barulho mental conseguimos ouvi-lo. Nossa mente por vezes nos engana, faz com que acreditemos que não somos capazes, mas nós somos. Somos dotados de uma sabedoria imensa, mas nosso ego está sempre nos boicotamos. Permita-se escutar o seu coração pois o seu chamado vem de lá.

começar

5- Comece. Comece com o que você tem e onde você está. Implemente pequenas mudanças e deixe-se guiar por essa sabedoria divina. É muito incrível tudo isso. Eu era uma pessoa insegura e sem coragem para realizar meus sonhos… não acreditava ser capaz. Hoje, porém, compreendo que não só eu sou capaz, como TODOS nós somos capazes de realizar o que quer que desejemos. Mas precisamos lembrar que somos sempre responsáveis pelas nossas atitudes e que a lei do retorno não falha nunca. Todas as nossas ações tem um preço e devemos estar atentos para não fazer nada que possa prejudicar outras pessoas. Não podemos nos dar bem em cima dos outros e não arcar com as consequências disso. Seguindo o nosso coração vamos compreendendo que não precisamos prejudicar ninguém e que o universo é ilimitado. Há espaço para todos. Acredite e confie no seu potencial. Você é absolutamente capaz.

Esse passo a passo foi feito de acordo com o que eu vivenciei. Deu certo pra mim e você pode adapta-lo para sua realidade.Não existem regras pra nada. Mais do que nunca eu acredito que devamos sempre ouvir essa voz interior. Alguns chamam de intuição, outros de Deus, mas é tudo a mesma coisa. É ali que mora a força que nos impulsionará para realizar nossos sonhos. Acredite e confie!

Anúncios

7 comentários sobre “O que podemos fazer para ter a vida dos nossos sonhos?

  1. Rogerio Melloni disse:

    Isso mesmo. A simplicidade e a felicidade não se compram. Ambas são amigas inseparáveis. Não tem como ser feliz se a vida que se leva não é simples. Gostei de ler sua experiência de vida. Abraço.

    Curtir

    • Bruna disse:

      Oi Rogério! Obrigada pela visita. O que realmente importa não podemos comprar.. amor, felicidade, paz… isso independe do muito ou pouco dinheiro que possuimos! Sejam sempre bem vindo aqui! Forte abraço!

      Curtir

  2. Rosana disse:

    Bruna,

    Esse post foi realmente maravilhoso para começar bem a semana.
    Eu também acredito que os 5 passos descritos por você são essenciais. Gostei da ordem em que os colocou e das explicações. E fico feliz em saber que conseguiu vivenciá-los de forma intensa e única, sabendo e descobrindo o seu caminho ao longo dos dias. Um passo de cada vez, isso é essencial. Parabéns por ter conseguido!
    Ter consciência e confiança em sua capacidade, deve ser uma sensação maravilhosa! Eu tenho um pouco disso em algumas áreas, mas em outras…

    Abraços,

    Curtir

    • Bruna disse:

      Rosana, querida! Obrigada! Que bom que o texto foi util pra você. Mas é assim mesmo: nossa vida tem pontos que estao legais e outros que precisam melhorar, é sempre assim. Nunca estamos perfeitos nem prontos, mas o importante é ter disposição para melhorar. Acreditar mais em mim mesma me deu muita força pra poder ir atras dos meus sonhos! SOu mto grata à vida. Va exercitando e logo as áreas em que voce nao é tão confiante irao harmonizar e melhorar.

      beijão!

      Curtir

  3. Luane disse:

    Post maravilhoso! Tenho essa sensação que você descreveu no começo, mas sempre me dizem que “sou nova e ainda não me acostumei com a realidade do mercado de trabalho (tenho 20 anos e trabalho há 3). Mas será que devo?

    Além disso, me falta a confiança para ir atrás do que me realiza. Obrigada pelas palavras! Acompanho seu blog há algum tempo e fico contente em ver que você está a cada dia mais realizada.

    Beijos

    Curtir

    • Bruna disse:

      Oi Luane! Obrigada pela sua visita! Você não deve se acostumar, afinal, não é normal se adaptar a uma sociedade louca como a nossa! Mas ó, eu demorei bastante pra criar coragem, então, vá mexendo os pauzinhos! Logo tudo vai se acertar pra você. Siga sempre o seu coração!

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s