O tempo voa… e não volta mais

tempo-voando1

Todas as oportunidades que você deixou passar ficaram pra trás. Mesmo que novas oportunidades surjam, geralmente não são exatamente iguais. Portanto, é preciso atenção no que chega pra gente, calma para analisar e coragem pra escolher o que fazer com isso.

Ainda vou mencionar mais uma vez o falecimento da minha avó, pois isso mexeu muito comigo. Falo sobre esse assunto com certa leveza, uma mistura de missão cumprida + saudade boa. A oportunidade que tive de aproveitar a companhia dela não voltará nunca mais. Se eu tivesse deixado passar, provavelmente hoje estaria imensamente arrependida por não ter me dedicado mais por ela!

Isso (dentre muitas outras coisas) me faz pensar diariamente no que eu tenho depositado meu tempo e minha energia. O que eu tenho valorizado? Momentos, pessoas ou coisas? Acho que a gente não percebe o quanto o nosso tempo é valioso. Vivemos na correria, acelerados, com mil e uma notificações, grudados nos nossos celulares, vivendo uma vida muitas vezes mais virtual e idealizada, do que real. Estamos pensando sempre na frente, no que precisamos fazer e quase nunca estamos presente no que estamos fazendo no momento.

Esse é o mal da nossa geração: vivemos acelerados.

Na verdade acredito que o mundo inteiro está acelerado e a gente vai entrando nessa onda sem se questionar, seguindo o fluxo e se deixando levar até o momento em que vemos que não dá pra viver assim, na correria, sem tempo pra gente, dedicando nossa vida a ganhar dinheiro para comprar coisas. Não é errado querer coisas e se esforçar para consegui-las. Errado é não questionar.

  • Por quê queremos tanto essas coisas?
  • São sonhos nossos ou sonhos que disseram que devemos ter?
  • Queremos isso de verdade?
  • Isso tem a ver com quem a gente é?

Questione-se sempre. A todo momento. Não deixe que a sua vida passe sem que você tenha vivido com plenitude. Não deixe que digam o que você tem que ser ou o que precisa fazer. Não se deixe levar pelos outros. Ouça SEMPRE a sua intuição, a sua voz interior. É lá que a gente consegue descobrir o nosso por quê de estar aqui. Qual a nossa missão? Qual o nosso propósito? Só quando nos aquietarmos e nos voltarmos pra dentro é que seremos capazes de descobrir.

Por um mundo mais devagar!

Anúncios

11 comentários sobre “O tempo voa… e não volta mais

  1. Rosana disse:

    Bruna,

    Não sabia que sua avó faleceu, sinto por vocês… É uma época de questionamentos e vejo que os faz com sabedoria, percebendo a missão cumprida e saudade boa.
    Concordo com você: vivemos acelerados, mais no futuro ou no passado e quase nunca no momento presente.
    Gostei quando questionou sobre os nossos sonhos serem nossos mesmos ou serem dos outros, da mídia, do marketing, das necessidades criadas que não são necessidades para nós, mas que muitas vezes aceitamos sem questionar.

    Desejo tudo de bom à vocês,
    Rosana

    Curtir

  2. Marcela Coelho disse:

    Como sempre os seus textos são como um presente para mim. Eu precisava tanto “ouvir” isso. Eu me entristeço, porque daqui a pouco caio no piloto automático de novo. Mas a vida é mesmo uma dádiva e temos que cuidar dela para que reflita em nós mesmos.

    Muito obrigada, Bruna! ❤

    Curtir

    • Bruna disse:

      Marcela, muito obrigada pela sua visita. Precisamos estar constantemente atentos pra realmente não deixar as coisas entrar no piloto automático! Vá se policiando!

      Super beijo!

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s