O melhor nunca está aqui

felicidade_placa

Esses dias vi a chamada de uma matéria que falava em quais lugares do mundo o céu é mais bonito. E aí me vi pensando sobre como somos levados a pensar que as melhores coisas, as mais bonitas e legais, estão sempre lá, longe, e não aqui, agora, onde a gente está.

Isso gera uma constante insatisfação, por que nem sempre a gente pode viajar para aquele lugar para conhecer aquele céu maravilhoso, por exemplo. E aí esquecemos que o mesmo céu paira sobre nós, talvez não com todas aquelas “qualidades” do céu de lá, mas certamente com suas belezas. Nos fazem acreditar que não é possível ser feliz aqui agora, com o que a gente tem. Sempre haverá algo “essencial pra nossa felicidade” faltando na nossa vida. E assim, seguimos sem conseguir enxergar a beleza no que está ao nosso redor. Estamos tão absortos pensando no que nos falta, que esquecemos de apreciar as coisas que estão por perto. E pra “reapreciar” é preciso parar, desconectar com o barulho e se reconectar com o silêncio de dentro. É preciso “reeducar” o nosso olhar para poder enxergar a poesia no nosso dia a dia, muitas vezes corrido e sem todo o glamour que nos dizem que é preciso ter.

A insatisfação é inerente ao ser humano mas em dois aspectos: um negativo, onde desperta a ganância de ter cada vez mais; o outro positivo por não fazer com que nos acomodemos. Gosto bem mais do segundo, por que acredito que esse tipo de insatisfação é o que faz com que busquemos o nosso propósito, o lugar em que nos encaixamos e descobrir a nossa missão. Se não estamos plenos precisamos buscar o que nos faz completos.

Tem uma frase que diz que “a felicidade está no caminho”… Mas estamos tão preocupados em chegar na localização exata da felicidade que acabamos não desfrutando dela. É preciso se esforçar para conseguir reconhecer o que nos faz felizes na rotina. talvez seja chegar em casa e colocar os pés pra cima, depois de um dia cheio no trabalho. Ou então, seja no meio da semana comer no seu restaurante preferido; talvez ainda seja receber um gesto gentil num dia difícil. A felicidade está aqui. Só precisamos abrir os olhos de dentro para enxergá-la

Anúncios

3 comentários sobre “O melhor nunca está aqui

  1. Rosana disse:

    Lindo post!

    Geralmente colocamos mesmo a felicidade onde ela não está, em um lugar bem distante.
    E quando chegarmos nesse lugar, a felicidade também terá mudado de lugar, segundo nossas próprias expectativas, mudanças de pensamento e cosmovisão.

    Gostei do que falou sobre a acomodação e insatisfação. Realmente, essa insatisfação é boa, pois nos impulsiona à melhorias. Sem ela, estaríamos estacionados, sem perspectivas de crescimento ou consciência nesse sentido.

    Abraços,
    Rosana

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s