Cuidar de si para depois ajudar os outros

14910286_1124199077656114_2064544036336485769_n

Nunca tinha pensado direito sobre essa coisa de se colocar em primeiro lugar, pois sempre me pareceu algo egoísta. Mas aí comecei a ver essa questão por um outro ângulo menos egóico e que fez mais sentido: me colocar em primeiro lugar, cuidando de mim, pra depois poder estender as mãos para ajudar outras pessoas.

Gosto muito de ajudar os outros, da maneira que eu puder… mas comecei a perceber que as vezes isso sugava muito minha energia e que eu ficava sempre preocupada demais com a pessoa ou com a situação, tentando resolver problemas que as vezes independiam da minha opinião ou escolha. Também costumava ficar apavorada e desesperada quando tinha que resolver problemas em grupo e as pessoas não se dispunham a fazer o mesmo com, digamos, vontade. Acabava me sobrecarregando e me estressando. Aí, com a terapia e leituras, compreendi que eu não precisava ser tão afoita pra resolver o que quer que fosse. Que era preciso calma e paciência para fazer as escolhas certas e que fossem benéficas pra todos.

O minimalismo e a sua proposta de viver com o essencial e deixar o restante de lado me permitiu compreender que eu não vou resolver todos os problemas do mundo e, para resolver o que me cabe eu preciso estar bem comigo mesma. Se não, como serei capaz de doar para os outros algo que não tenho? Continuo nesse processo de aprender a olhar com mais carinho pra mim mesma, respeitando meu tempo, aprendendo a ouvir mais minha intuição e a agradar menos aos outros. Quantas coisas já fizemos “forçadamente” para agradar os outros e isso acabou nos fazendo mal?

Essa semana recebi um vídeo muito legal do Haroldo Dutra. É um vídeo pequeno mas maravilhoso e que exprime exatamente o que eu gostaria de dizer com esse texto! Finalizo com ele pra vocês:

Anúncios

3 comentários sobre “Cuidar de si para depois ajudar os outros

    • Bruna disse:

      Isso mesmo… esse momento de maternidade requer uma doação enorme para o bebe, que é 100% dependente. Pra isso precisamos estar bem, equilibrados… mas infelizmente nem todas as mães conseguem isso…

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s