O que aprendi pedalando

Há 2 anos resolvi comprar uma bicicleta, ideia do Marcelo. Não lembro ha quanto tempo eu não pedalava, mas acabei empolgando com a ideia e resolvi investir. Alguns amigos meus já tinham uma bike e vi nisso uma oportunidade de me exercitar e conhecer novos lugares.

img-20141207-wa0011

Primeiro pedal em dezembro de 2014

Fui tomando gosto pela coisa, até que resolvi fazer a peregrinação do Caminho da Fé, em abril de 2015, meio que sem noção do que me aguardava: um trajeto sofrido e três dias com um misto de emoções que nem sei explicar. Foi duro, muito duro mesmo. Com pouco condicionamento, haviam subidas em que só me restava empurrar. Mas cheguei.

11120529_656904421121072_9125786912683260553_o

Na catedral de Aparecida, aproximadamente 270km

Aí o primeiro aprendizado

1- Todo morro tem seu começo e seu fim. Se ao me deparar com um morro grande eu apavorar e ficar ansiosa pra subi-lo logo de uma vez, não vou dar conta. Aprendi que o segredo é estar presente em cada pedalada, em cada respiração. Assim, focada no agora, nem me assusto mais com o seu tamanho e respeito meu tempo e meu condicionamento. E isso tem tudo a ver com enfrentar as dificuldades do nosso dia a dia. Com calma, paciência e presença, aquele PROBLEMÃO que criamos na nossa cabeça e nos fez sofrer por antecipação, se resolve mais facilmente do que a gente imagina.

IMG-20141207-WA0016.jpg

Ufa, descanso depois da subida!

2- As pessoas são muito receptivas com ciclistas. Pedalo basicamente na zona rural e é muito bacana como as pessoas passam sempre acenando, desejando bom dia/boa tarde. As vezes param pra conversar. Lembro de um dia que estávamos indo pra Borda da Mata, passamos e cumprimentamos um senhor, ele nos chamou e nos ofereceu biscoitos.

IMG-20150228-WA0005.jpg

Ganhar comida =  melhor coisa

3- Fazemos muitas amizades. Perdi as contas dos amigos que fiz pedalando. Homens, mulheres, crianças, pessoas mais velhas… É muito legal com o ciclismo conecta as mais variadas pessoas. Todo mundo conversa, combina de pedalar e é MUITO gostoso! Fiz grandes amizades através do pedal.

DSC08060.JPG

IMG-20150228-WA0009.jpg

IMG-20150129-WA0012.jpg

IMG-20150124-WA0003.jpg

IMG-20141221-WA0011.jpg

4. Estar constantemente em contato com a natureza faz um bem enorme. Essa é sem dúvidas a minha parte preferida. Sempre gostei de mato/natureza mas tenho até vergonha de dizer que pouco conhecia da zona rural aqui da cidade. Fui conhecer todas essas maravilhosidades depois de adquirir a bicicleta. E vejam só: minha bicicleta não é nenhuma top de linha, é das mais simples, por assim dizer, mas rodou mais de 3.000 km e me permitiu ter experiências incríveis. Foi, sem duvida, um dos melhores investimentos que já realizei, que me proporciona qualidade de vida e momentos inesquecíveis.

O mais importante é ter vontade. A”indústria do entretenimento” nos faz pensar que precisamos da bicicleta mais cara e demais supérfluos, mas as únicas necessidades REAIS são uma bicicleta, equipamento de segurança (lanterninha traseira, capacete)garrafa de água pra não desidratar. Ademais, só precisamos de vontade!

Ontem estava pedalando no final do dia, sol alto e a estrada empoeirada. Os carros passam correndo, mesmo na estrada rural. Eis que depois de um caminhão tacando poeira na minha cara registrei isso:

16754712_1026358464175664_1411311829_n.jpg

Pedalar me ajuda a organizar as ideias, me traz uma paz enorme, me faz exercitar a presença, faz bem pro meu corpo, pra minha alma, pro meu ser. É uma benção. Recomendo pra todo mundo. Pedalar mudou a minha vida!

Anúncios

8 comentários sobre “O que aprendi pedalando

  1. Marcelo Rinaldi disse:

    A bike é libertadora mesmo! Quando estamos dispostos a isso nos proporciona uma conexão com a natureza, com nós mesmo difícil de descrever! Percebo muito isso quando pedalo sozinho, como eu divago e como chego a pensamentos e ideia de dificilmente teria em outro ambiente ou em meio a alguma tarefa rotineira! Parece que até a percepção se amplifica! É bom demais!

    Curtir

  2. Rosana disse:

    Bruna,

    Gostei muito desse post e das fotos. Além disso, o novo layout do Uma Vida Mais Simples Ficou muito bom!
    Você foi muito corajosa, 270 km é uma experiência e tanto.

    Continuo não recebendo a newsletter por e-mail….

    Abraços,

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s